Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Carros Electricos

Tudo sobre carros eléctricos, noticias, novidades, apresentações, artigos técnicos, esquemas técnicos, tecnologia, etc.

Tudo sobre carros eléctricos, noticias, novidades, apresentações, artigos técnicos, esquemas técnicos, tecnologia, etc.

Carros Electricos

30
Jun10

Novo acordo eléctrico entre a Mitsubishi e PSA

adm

A Mitsubishi e a PSA anunciaram novo acordo no âmbito da mobilidade eléctrica, desta feita para o desenvolvimento e fornecimento de cadeias de tracção para estes veículos

A Mitsubishi Motors Corporation (MMC) e a PSA Peugeot Citroën anunciaram um protocolo para o início de um estudo de viabilidade com vista ao desenvolvimento e fornecimento de cadeias de tracção de veículos eléctricos, incluindo também a análise económica para a montagem das baterias. 

Este acordo marca uma nova etapa nas conversações entre os dois construtores, que pretendem alargar a sua colaboração em matéria de veículos eléctricos e terá a sua primeira aplicação nos veículos comerciais ligeiros. 

Ambas as partes já cooperavam no desenvolvimento e fornecimento de automóveis eléctricos para a Europa. Os modelos, baseados no i-MiEV, começam a ser produzidos no próximo mês de Outubro, devendo chegar ao mercado no final deste ano, com o nome de Peugeot iOn (na foto) e Citroën C-Zero.

fonte:automotor.xl.pt

29
Jun10

Foi inaugurado pelo Governo o primeiro posto de abastecimento do carro eléctrico

adm

O primeiro ponto de carregamento da rede piloto vai funcionar em Lisboa, no Parque das Nações, e é inaugurado um ano depois do lançamento do programa de mobilidade do carro eléctrico.

«Por detrás deste primeiro ponto, está todo um sistema, uma plataforma integradora que permite que à medida que se acrescentam pontos eles sejam pontos de uma rede. Este sistema integrado, com inteligência, é que permite fazer a diferença e tornar esse sistema muito atractivo» até no exterior, frisou o responsável do Gabinete para a Mobilidade Eléctrica em Portugal, João Dias.

A inspiração para o projecto piloto da mobilidade eléctrica veio da rede multibanco. «O conceito aqui foi o mesmo: fazer com que um utilizador, com um único cartão, tivesse acesso a todas as estruturas, todos o pontos de carregamento da rede Mobi.E», explica João Dias. Assim, os utilizadores vão ter possibilidade de escolher um cartão associado a uma das empresas que «comercializa» a mobilidade eléctrica e vão poder carregar o seu carro em qualquer ponto do país, independentemente de quem lhe está a facturar a electricidade. Neste sistema, «a entidade gestora da Mobi.E é como se fosse a SIBS da mobilidade eléctrica», exemplificou.

Os custos de carregamento dos carros eléctricos deverão ficar entre 1,5 euros e 4,5 euros por cada 100 quilómetros, sendo que o valor mais baixo diz respeito a um automóvel abastecido durante a noite, na casa do proprietário, num regime de tarifa bi-horária. Já o preço mais elevado deverá corresponder a um posto de carregamento rápido, que reduz o tempo para o automóvel ficar com a bateria pronta a utilizar.

O Coordenador do Gabinete para a Mobilidade Eléctrica em Portugal estima que, em 2020, com uma penetração de 10 por cento de carros eléctricos, «o negócio da venda de electricidade para os veículos, o fee [taxa] de carregamento dos pontos, o sistema de gestão e a produção e fabrico dos carregadores represente um volume anual estimado de 800 a 810 milhões de euros».

fonte:www.ambienteonline.pt

24
Jun10

Afinal a Audi diz «não» à produção do A1 eléctrico!

adm

Mostrado em Março, na última edição do Salão de Genebra, o Audi A1 e-tron, a versão eléctrica do novo compacto da marca alemã, não deverá ver a «luz do dia». Quem garante é Rupert Stadler, presidente do conselho administrativo do construtor alemão.

Para Rupert Stadler, as versões do A1 com sistema Start&Stop - que desliga e religa o motor sempre que o carro se imobiliza - e sistema de travagem regenerativo serão suficientemente económicas e pouco poluentes. Além disso, segundo Stadler, a plataforma utilizada não teria capacidade para receber os componentes necessários para todo o sistema eléctrico.

O A1 e-tron conta com um motor eléctrico de 102 cv de potência, alimentado por um sistema de baterias de iões de lítio, que esgotando toda a energia armazenada «liga» um motor Wankel” a gasolina, colocado na bagageira, que desempenha o papel de gerador para alimentar as baterias.

Esta solução permite aumentar a autonomia em mais 200 km, além dos 50 km permitidos pelas baterias recarregáveis em qualquer tomada doméstica.

A marca alemã anuncia performances como a aceleração dos 0 aos 100 km/h em 10,2 segundos e uma velocidade máxima de 130 km/h.

fonte:www.autoportal.iol.pt

24
Jun10

Toshiba ira fabricar motores elétricos para a Ford nos EUA

adm

A Toshiba Corporation anunciou hoje que vai expandir sua unidade de manufatura em Houston, no Estado americano do Texas, para produzir motores automotivos de alta performance destinados a veículos elétricos e a modelos híbridos elétricos.

A decisão de iniciar a primeira produção para o setor automotivo fora do Japão é resultado de um grande contrato de fornecimento de motores para carros elétricos e modelos híbridos para a Ford Motors, informa a companhia.

A obra de expansão da fábrica de Houston, onde também está localizada a subsidiária americana da empresa, terá início em janeiro de 2011. O início da produção está previsto para 2012.

A Toshiba estima que a receita do mercado mundial de motores para veículos elétricos - incluindo modelos híbridos e movidos a bateria - apresente um crescimento de 50 bilhões de ienes no ano fiscal de 2009 para 1 trilhão de ienes em 2020.

fonte:http://oglobo.globo.com

13
Jun10

Nos EUA e Japão as encomendas do Leaf já superam expectativas!

adm

O mercado nipónico atingiu a marca pretendida de seis mil pré-reservas do modelo eléctrico da Nissan, enquanto o norte-americano registou cerca de 13 mil encomendas

 

A Nissan anunciou que as pré-encomendas efectuadas por interessados na compra do modelo eléctrico Leaf já atingiram os 19 mil pedidos nos Estados Unidos da América e no Japão, registo superior ao volume de produção projectado para o primeiro ano de comercialização. De acordo com o chefe da divisão de veículos eléctricos da Nissan, Andy Palmer, cerca de 13 mil clientes procederam ao depósito de 99 dólares para entrar na lista de pré-reserva do Leaf, enquanto as restantes seis mil unidades foram encomendadas no Japão, cumprindo a meta traçada para o mercado nipónico no presente ano.

O volume das pré-reservas é praticamente o dobro do projectado para o actual ano fiscal, que encerra a Março de 2011. A fábrica de Oppama, localizada no sul de Tóquio, vai começar a produção do modelo ainda em 2010, tendo capacidade para fabricar até 50 mil unidades por ano. Ainda assim, a Nissan prevê chegar aos 200 mil veículos fabricados anualmente até 2012, com o reforço das fábricas dos Estados Unidos e da Inglaterra, que entretanto já estarão a funcionar em pleno.

O fabricante japonês começou a aceitar as primeiras pré-reservas no Japão no dia 1 de Abril e nos Estados Unidos no passado dia 20 de Abril. Andy Palmer referiu ainda que a Nissan vai analisar o potencial perfil de todos os clientes para ter certeza de que os seus hábitos ao volante são os mais adequados ao Leaf, que possui uma autonomia de 160 quilómetros.

“Vamos aconselhar alguns clientes a não comprarem o carro, pois não queremos que eles conduzam quase 500 quilómetros todos os dias. Trata-se de uma necessidade de controlar as expectativas do consumidor, já que os carros eléctricos não são para todos os tipos de clientes”, explicou o responsável da Nissan.

fonte:www.lusomotores.com

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Segue-nos no Facebook

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D