Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Carros Electricos

Tudo sobre carros eléctricos, noticias, novidades, apresentações, artigos técnicos, esquemas técnicos, tecnologia, etc.

Tudo sobre carros eléctricos, noticias, novidades, apresentações, artigos técnicos, esquemas técnicos, tecnologia, etc.

Carros Electricos

24
Mar11

Fisker inicia produção de desportivo eléctrico na Finlândia

adm

 

 

A Fisker, empresa norte-americana de veículos eléctricos, anunciou o inicio da produção do desportivo eléctrico com extensor de autonomia Karma, na fábrica da Valmet, na Finlândia. A empresa, que também fabrica alguns Porsche, assegura a produção do primeiro modelo do construtor californiano.

«Este ano pretendemos entregar cerca de 7000 unidades. A produção decorrerá de um modo muito cauteloso, de modo a podermos assegurar a qualidade do nosso produto», revelou Roger Ormisher, porta-voz da Fisker.

O Karma utiliza o sistema Q-Drive de propulsão híbrida da Quantum, composto por dois motores eléctricos capazes de fornecer 408 cavalos de potência e 1300 Nm de binário máximo e um bloco a gasolina de 2.0 litros (de origem Opel) e 260 cavalos, que serve de gerador para recarregar as baterias que alimentam os motores eléctricos. A autonomia é de 80 km, aumentando para 550 km com o recurso ao motor a gasolina. 

O modelo tem tracção traseira e conta ainda com tecnologia Plug-in (de ligar à tomada), permitindo que as baterias sejam recarregadas em qualquer tomada eléctrica.

Até agora, a Fisker conta com 3000 encomendas para este modelo híbrido, estando as primeiras entregas previstas para o próximo mês de Junho.

Além do Karma, a Fisker já revelou a versão descapotável, ao qual deu o nome de «S». Comparativamente à berlina que lhe serve de base, o Karma S, perde duas portas e espaço no banco traseiro.

fonte:http://www.autoportal.iol.pt/

16
Mar11

Peugeot e Mobi.E lançam roadshow de carros eléctricos

adm

 

 

Roadshow de automóveis eléctricos irá percorrer 25 cidades do território nacional, de 26 de Março a 28 de Maio

 

A Peugeot Portugal e o Mobi.E, entidade coordenadora da Rede de Mobilidade Eléctrica, vão levar a cabo em Portugal o primeiro roadshow de automóveis eléctricos, que irá percorrer 25 cidades do território nacional, de 26 de Março a 28 de Maio.

O «Electric Tour», como é denominado o evento, será o primeiro espectáculo do género no nosso país e irá percorrer 25 municípios, que integram a fase piloto da rede para a mobilidade eléctrica, entre os dias 26 de Março e 28 de Maio.

Cada cidade terá um percurso definido para o test-drive e permitirá que se teste o sistema de carregamento. As inscrições realizam-se no local do evento, onde estará uma equipa de profissionais para prestar informações sobre o automóvel eléctrico e sobre a rede de pontos de carregamento.

O evento terá como protagonista o iOn, o primeiro carro de emissões zero da marca, já disponível no mercado nacional, e que representa a aposta da marca num conceito de mobilidade com futuro.

“Electric Tour”
26 de Março a 28 de Maio

Cidades:
Lisboa - 26 e 27 de Março
Cascais - 30 e 31 de Março
Sintra - 1 e 2 de Abril
Loures - 4 e 5 de Abril
Almada - 6 e 7 de Abril
Setúbal - 8 e 9 de Abril
Évora - 11 e 12 de Abril
Beja - 13 e 14 de Abril
Faro - 15 e 16 de Abril
Leiria - 18 e 19 de Abril
Santarém - 25 e 26 de Abril
Torres Vedras - 27 e 28 de Abril
Coimbra - 29 e 30 de Abril
Aveiro - 2 e 3 de Maio
Porto - 4 e 5 de Maio
Vila Nova de Gaia - 6 e 7 de Maio
Guimarães - 9 e 10 de Maio
Braga - 11 e 12 de Maio
Viana do Castelo - 13 e 14 de Maio
Vila Real - 16 e 17 de Maio
Bragança - 18 e 19 de Maio
Viseu - 20 e 21 de Maio
Guarda - 23 e 24 de Maio
Castelo Branco - 25 e 26 de Maio
Portalegre - 27 e 28 de Maio

fonte:http://www.autoportal.iol.pt

 

13
Mar11

Ford Focus Electric chega em 2012

adm

 

 

Focus Electric será o primeiro de uma vaga de modelos híbridos, híbridos plug-in e totalmente eléctricos que a marca se prepara para lançar até 2013

 

O novo Focus Electric, o primeiro automóvel totalmente eléctrico da Ford, estreado em Janeiro deste ano, no Salão Internacional Norte-americano, chega ao mercado europeu em 2012. Esta versão do popular compacto do segmento C, de zero emissões, será o primeiro de uma vaga de modelos híbridos, híbridos plug-in e totalmente eléctricos que a marca se prepara para lançar no mercado europeu e norte-americano até 2013.

O Focus Electric foi concebido para oferecer uma autonomia suficiente para a maioria das deslocações quotidianas e tem por base a nova geração do modelo, com pequenas alterações estéticas, nomeadamente na secção dianteira. Está equipado com um motor eléctrico de 123 cavalos e 245 Nm de binário máximo, alimentado por um conjunto de baterias de iões de lítio. A velocidade máxima está limitada a 136 km/h.

Não foram adiantados mais detalhes, como a autonomia ou peso, com a marca norte-americana a garantir que o acréscimo de peso não irá prejudicar o comportamento dinâmico e que a autonomia será semelhante à do Nissan Leaf, ou seja em torno dos 160 km.

O Focus Electric será o primeiro de cinco novos modelos desenvolvidos no âmbito da estratégia de electrificação da Ford. Comercializada na América do Norte desde o final do ano passado, a Transit Connect Electric, o primeiro veículo eléctrico a baterias da Ford, será lançada na Europa no final de 2011.

fonte:http://www.autoportal.iol.pt/

 

08
Mar11

Nissan revela desportivo eléctrico baseado no Leaf

adm

 

Esflow é apresentado como uma visão de como os desportivos podem vir a ser no futuro, mas também uma forma de antecipar o próximo desportivo da Nissan

 

A Nissan, que se propõe ultrapassar a Toyota na Europa como primeiro construtor japonês, revelou no Salão Automóvel de Genebra o protótipo de um desportivo completamente eléctrico, baseado no modelo familiar Leaf, o carro do ano internacional.

A marca japonesa refere que o Esflow, assim chamado, «pode ser apenas um protótipo mas prova que é possível manter uma consciência ambiental sem precisar de abdicar do prazer de conduzir».

Ou seja, significa que, ao contrário a maioria dos «concept car», o Esflow tem uma probabilidade de um dia a ser construído, disse um dos principais executivos da Nissan para o desenvolvimento.

«Queremos que este concept car se torne uma realidade», referiu François Bancon, acrescentando que o Esflow usa toda a tecnologia do Leaf. «O motor, bateria, todos os sistemas eléctricos são do Leaf, não há nada de novo, e é isso que torna o carro muito realista em termos de execução».

Esflow, a visão do futuro «Z» eléctrico da Nissan

Para construir um carro desportivo capaz de ir de zero aos 100 km/hora em cinco segundos e atingir uma velocidade máxima de 200 km/h com motor eléctrico de um carro compacto, a Nissan está centrada num só problema: «Peso. O inimigo é o grama», observou François Bancon. Por isso é que o alumínio foi usado para o corpo do carro juntamente com fibra de carbono para ajudar a manter o peso baixo.

O Esflow tem estado em desenvolvimento há cerca de dois anos, mas nenhuma decisão foi tomada sobre a possibilidade de levá-lo para produção.

A Nissan chegou ao Salão de Genebra, que decorre até 13 de Março, para anunciar que se propõe ser a marca japonesa número um na Europa.

Segundo Simon Thomas, a marca tem como objectivo conquistar 3,5 a 4% da quota do mercado europeu, e atingir os 5% em 2014, a mesma quota que actualmente tem a Toyota, o líder japonês no velho continente.

 fonte:http://www.autoportal.iol.pt/

07
Mar11

Renault Twizy a partir de 6.990 euros

adm

 

 

O eléctrico Renault Twizy chega ao mercado no final deste ano, com preços a partir de 6.990 euros (IVA incluído. O valor não inclui o aluguer da bateria, que terá de ser pago à parte mensalmente: 45 euros.

A carga completa das baterias do Twizy efectua-se em 3h30m numa tomada doméstica, através de um cabo situado num compartimento localizado na dianteira. Estarão disponíveis, também, diferentes adaptadores para ligar o Twizy em todos os tipos de pontos de carga, públicos e privados.

A autonomia deste Renault é de 100 quilómetros em ciclo urbano. Com a prática de eco-condução a autonomia pode atingir os 115 quilómetros.

fonte:http://www.autohoje.com/

07
Mar11

ALD Automotive entra no renting de eléctricos

adm

 ALD Automotive, empresa especial em aluguer operacional e gestão de frotas, lançou um serviço de renting para veículos eléctricos, no âmbito da sua política de desenvolvimento sustentável, a ALD Bluefleet.

De acordo com Guillaume de Léobardy, director geral da ALD Automotive Portugal, «Com esta oferta de Renting eléctrica, a ALD Automotive desafia os seus clientes a serem os primeiros no mercado a testar esta solução, beneficiando de uma imagem única, de inovação e de modernidade. O veículo eléctrico é hoje um elemento diferenciador e com o apoio da ALD Automotive, perfeitamente integrável nas frotas dos nossos clientes, com a garantia de mobilidade habitual.»

fonte:http://www.autohoje.com/

07
Mar11

Rolls Royce eléctrico pode custar mais de 1 milhão de euros

adm

 

Analistas do sector acreditam que o futuro Rolls Royce eléctrico nunca será vendido abaixo de 1,2 milhões euros

 

Nem a aristocrática Rolls Royce «escapa» ao impulso eléctrico… A marca britânica acaba de apresentar no Salão Automóvel de Genebra, o «102EX», o primeiro «avanço» do futuro Phantom eléctrico - analistas do sector garantem que a avançar nunca será vendido abaixo de 1,2 milhões euros.

O Phantom Experimental Electric, ou 102EX, conta com dois motores eléctricos em substituição do 6.7 V12 que equipa o modelo de combustão. Em conjunto, os dois motores eléctricos produzem nada menos que 395 cavalos de potência e 800 Nm de binário máximo, números que lhe permite anunciar uma aceleração dos 0 aos 100 km/h em menos de oito segundo e alcançar uma velocidade máxima de 160 km/h (limitada electronicamente). A autonomia anunciada não ultrapassa os 200 km.


A apresentação do projecto no Salão de Genebra é apenas o início de uma tournée mundial que o levará a vários pontos da Europa mas também ao Médio Oriente, à Ásia e à América do Norte.

Nos países onde vai ser mostrado será dada oportunidade aos candidatos a proprietários de experimentarem o novo modelo. Esta será também uma forma da marca britânica avaliar o potencial «desejo» por um Rolls Royce eléctrico, ou seja, andar de carro em grande estilo e com a vantagem de não emitir um único grama de dióxido de carbono.

Segundo o director-geral do construtor, Torsten Müller-Ötvos, «com este protótipo, estudaremos alternativas de propulsão para o futuro, para escolhermos a melhor, adaptada às exigências da marca».

A Rolls Royce nega que já esteja a produzir o Phantom eléctrico em série, mas também garante que faz esta aposta com um propósito bem claro: perceber se há mercado.

 

Veja o vídeo:

 fonte:http://www.autoportal.iol.pt/

02
Mar11

ALD Automotive lança renting para carros eléctricos

adm

A ALD Automotive, empresa especializada em aluguer operacional e gestão de frotas do Grupo Société Générale, lança hoje um novo serviço de renting para veículos eléctricos - ALD Bluefleet.

A iniciativa integra-se na política de desenvolvimento sustentável da empresa, que consegue, assim, posicionar-se como a primeira gestora de frotas a lançar este novo serviço. O risco operacional desta medida é totalmente assumido pela gestora.

De acordo com Guillaume de Léobardy, director-geral da ALD Automotive Portugal, «com esta oferta de renting eléctrico, a ALD Automotive desafia os seus clientes a serem os primeiros no mercado a testar esta solução, beneficiando de uma imagem única, de inovação e de modernidade».

Para o responsável «o veículo eléctrico é hoje um elemento diferenciador e com o apoio da ALD Automotive, perfeitamente integrável nas frotas dos nossos clientes, com a garantia de mobilidade habitual».

fonte:http://www.ambienteonline.pt/

02
Mar11

Lisboa com 687 postos de carregamento do carro eléctrico até ao Verão

adm

Até ao início do Verão, Lisboa vai ter a funcionar 687 postos de carregamento para veículos eléctricos. Segundo João Dias, coordenador do Mobi.e, nessa altura, «o carregamento deixará de ser gratuito» e «os fornecedores de electricidade deverão começar a disponibilizar sistemas de pagamento dos carregamentos do veículo eléctrico».

No que respeita aos custos de carregamento, João Dias esclareceu que «ainda não está nada definido» e revelou que o governo está a preparar uma portaria que irá estabelecer um tecto máximo para os valores cobrados pelos fornecedores de electricidade aos utilizadores.

A rede de carregamentos apresentada esta quarta-feira pela Câmara Municipal de Lisboa vai, segundo o presidente da autarquia, «acabar com a desculpa para não utilizar o carro eléctrico».

Admitindo que, nos primeiros anos, a oferta vai ultrapassar a procura, António Costa ressalva que esta é a melhor forma de incentivar à utilização do veículo eléctrico: «Não podíamos ficar à espera que a indústria fornecedora dos veículos instalasse a rede de carregamento. Só havia uma forma de romper esta barreira: pôr o ovo para fazer nascer a galinha».

O sistema de carregamento vai funcionar de forma «semelhante ao da rede multibanco», explicou o vereador José Sá Fernandes. «Independentemente do meu banco, do meu fornecedor de energia eléctrica e do modelo do meu veículo, posso abastecê-lo em qualquer posto de carregamento do país», descreveu.

Segundo o vereador do Ambiente Urbano, a escolha da localização «foi um trabalho que demorou cerca de um ano: tentámos distribuí-los por toda a cidade colocando mais postos em áreas com mais serviços, alguns em parques de estacionamento».

Dos 687 postos que deverão estar a funcionar até ao Verão, 54 estão já instalados e em teste. Tratam-se de postos de carregamento normal, onde o abastecimento total do veículo demora entre 6 a 8 horas. Os postos rápidos da rede Mobi.e deverão começar a ser instalados nas auto-estradas e nas ligações principais entre as maiores cidades do país.

fonte:http://www.ambienteonline.pt/

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Segue-nos no Facebook

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D